Explore uma representação interativa de como a ciência se processa. Página original em inglês Home Glossário pesquisa home Compreender a Ciência Para professores Biblioteca de recursos
Conheça os seus alunos: Implicações para a compreensão da natureza da ciência

Para alunos até ao 2º ano do ensino básico, a compreensão da natureza e do processo da ciência depende do nível de desenvolvimento do aluno e das experiências que os professores fornecem aos alunos. As oportunidades de aprendizagem devem facilitar o desenvolvimento de competências e conceitos de processamento, à medida que as aptidões dos alunos para observar e comunicar observações melhoram. Alunos do pré-escolar e dos 1º e 2º anos podem começar a compreender o que é a ciência, quem faz ciência, e como os cientistas trabalham, através de atividades em sala de aula, histórias sobre cientistas, e discussões de turma.

Embora os alunos do pré-escolar façam questões sobre o seu mundo, eles precisam do seu professor para modelar a formulação e verbalização de perguntas — seguindo-se muitas oportunidades para praticar essas habilidades. Eles também precisam de orientação por meio de estratégias de questionamento apropriadas para reunir evidência e formular explicações. Os professores devem fornecer aos alunos do pré-escolar muitas oportunidades para fazer observações com todos os seus sentidos, para procurar padrões naquilo que observam, e para compartilhar com os outros o que fizeram e o que aprenderam com as suas observações. Os alunos do pré-escolar podem ser expostos à ideia de que muitos tipos diferentes de pessoas fazem ciência, e podem começar a aprender como os cientistas trabalham, ouvindo histórias sobre cientistas adequadas à sua idade. A base para a compreensão da natureza e processo da ciência pode ser inicialmente estabelecida, discutindo e comparando o que os cientistas fizeram nas histórias com aquilo que os alunos fazem nas suas próprias investigações em sala de aula.

Alunos do 1º ano são capazes de formular, verbalizar, e escrever as suas perguntas. Eles podem investigar questões e reunir evidência através de observações. As suas observações são cada vez mais detalhadas e relevantes para a questão em apreço. Alunos do 1º ano podem recolher dados a partir das suas observações e da sua crescente gama de experiências. Devem ser dadas oportunidades para praticar estas habilidades através de investigações em sala de aula nas quais os alunos olham para a evidência e observam padrões. Discussões em turma para compartilhar evidências e ideias devem acompanhar as investigações, de modo a que os alunos possam utilizar a sua capacidade emergente de rever ideias com base em nova evidência. Histórias sobre os cientistas podem ajudar os alunos do 1º ano a aprender que os cientistas são criativos e curiosos — e que eles trabalham juntos e partilham ideias. Através de textos expositivos, os alunos também podem aprender que qualquer pessoa pode fazer ciência.

Alunos do 2º ano estão a desenvolver a capacidade de projetar e conduzir investigações para responder às questões que colocam. Eles devem ser encorajados a desenhar o que observam e a comunicar o seu raciocínio baseado nas suas observações. Eles devem ser orientados em como usar as suas observações para construir explicações razoáveis para responder às perguntas que fizeram. Leitura e discussão de histórias sobre o que é ciência, quem faz ciência, e como a ciência funciona são estratégias eficazes para tornar alunos do 2º ano conscientes da natureza e processo da ciência — e também pode ajudar a introduzir novos conceitos científicos.


anterior
Implicações para o ensino
seguinte
Dicas para o professor


Texto de Sharon Janulaw, Conselho Consultivo do Projeto, Understanding Science

Salas dos professores
13-Univ 10-12 7-9 5-6 3-4 P-2

Recursos P-16


Guia do Compreender a Ciência


Quadro conceptual


Ferramentas didáticas


Dicas e estratégias


Como o Saber Ciência está a ser usado


Corrigindo equívocos


Equívocos acerca de ensinar


Investigação em educação


Brevemente!



Home | Acerca | Copyright | Créditos e Colaboradores | Contactos